domingo, 6 de março de 2011

1a. CONFERÊNCIA EM GESTÃO PARA ESCOLAS DE DANÇA

UM FÓRUM PARA QUEM GERENCIA A DANÇA


Acontecerá em Salvador/BA no auditório do SEBRAE, nos dias 30 e 31 de maio próximo, a 1a. Conferência de Gestão para Escolas de Dança, um evento imperdível e especialmente concebido para diretores, proprietários, gerentes e funcionários de escolas de dança, bem como para professoras e professores interessados em ampliar seus horizontes profissionais.


O que pretende essa Conferência?


Uma coisa é ser médico, outra é ser professor de Medicina, outra ainda é ser diretor de uma escola de Medicina. Para ser médico, basta que seja ensinado à pessoa o conteúdo da profissão; para ser professor de Medicina, além da premissa anterior ou profissão congênere, é preciso que a pessoa adquira sólidos conhecimentos de pedagogia, ou o profissional vai ter que ter o dom nato do ensino, o qual, como se sabe, é um dom relativamente raro. Para ser diretor ou proprietário de uma escola de medicina, o profissional não precisa necessariamente ser médico. Se fosse, eventualmente poderia executar seu trabalho com mais desenvoltura, mas os conhecimentos necessários para exercer a função de Diretor passam muito mais por administração, finanças, sociologia, legislação, pedagogia e outros quesitos importantes.


E nas escolas de dança, isso seria diferente?


De modo algum! Há uma distância enorme entre a bailarina e uma professora de dança, como há uma substancial diferença entre a professora de dança e a diretora de uma escola de dança. Todavi a, em nosso país, sempre houve uma grande confusão entre essas atividades e na maioria das escolas de dança quem ensina é apenas uma bailarina talentosa (às vezes nem tanto), que lá na frente acha que já está preparada para ensinar o que lhe foi ensinado. Com esforço, dedicação e boa vontade, vai dar aulas, repetindo tudo aquilo que um dia aprendeu, como se isso já fosse o suficiente. Claro, existem (felizmente de forma crescente) as bailarinas que buscam o aprendizado pedagógico e educacional em cursos e estágios especializados e essas, certamente, vão formar seus alunos com propriedade e conteúdo sólido. Mas, o degrau seguinte, o nebuloso cargo de direção de uma escola de dança, continua sendo uma incógnita e essa interface sempre careceu de maiores esclarecimentos especializados para que se defina mais claramente. Dirigir uma escola de dança nunca foi tarefa fácil e muitas escolas naufragaram ao longo do percurso simplesmente porque sua direção não estava preparada para conduzir corretamente o empreendimento.


Essa 1ª. Conferência sobre Gestão para Escolas de Dança objetiva reunir em um mesmo fórum de exposições e debates, uma plêiade de profissionais especialistas de renome em suas respectivas áreas de atuação que apresentará diversos temas e abordagens sobre o assunto central do evento: a gerência de escolas de dança. Serão abordados aspectos como marketing, finanças, gerenciamento de professores, a visão do cliente, gestão de resultados, captação e fidelização de clientes. A Conferência foi concebida para que o diretor de uma escola de dança possa adquirir informações tais que lhe permitirão executar uma administração mais moderna, mais contemporânea, mais promissora e mais voltada para resultados a partir do dia seguinte ao evento.
Palestrantes confirmados:


Marketing (captação e fidelização de clientes) – Osvaldo Matos (Pernambuco)
MBA em vendas e Trade Marketing, é Professor de Graduação, MBA e Pós-Graduação da Unifacs, Jorge Amado, FTE/Área I e Ruy Barbosa. Graduado em Administração, em Marketing tornou-se executivo de empresas multinacionais e nacionais como Shell Petróleo, Philips, Microlite, Grupo Bunge, Grupo Bompreço.

Gerenciando Professores – Maria Lúcia Vasconcelos (São Paulo)Presi dente do Conselho Municipal de Ensino da Cidade de São Paulo, Membro do Conselho Estadual de Ensino do Estado de SP, Professora de Pós Graduação da Universidade Mackenzie, ex Reitora da Universidade Mackenzie, foi Secretária de Educação do Estado de São Paulo.


Gerenciando a escola - Pavel Kazarian e/ou Sylvana Albuquerque (Rússia/ Santa Catarina)Diretor da Escola de Ballet do Teatro Bolshoi do Brasil


Coordenadora de audições seletivas, eventos e toda produção da Escola de Ballet do Teatro Bolshoi do Brasil.


A visão do cliente - Bete Wagner (Bahia)
Mãe de bailarina, é formada em Economia pela UFBA (Universidade Federal da Bahia), é mestre e doutora em Ciência Política pelo IUPERJ (Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro), tendo sido Vice-prefeita e Secretária de Educação de Salvador e Diretora Geral do Instituto do Meio Ambiente da Bahia.

Aguardem ainda mais informações sobre:


Profissional Empreendedor – Colocando em prática suas idéias para obter sucesso
Oportunidade imperdível e são apenas dois dias de duração!
Maiores informações e dúvidas acompanhe no BLOG: ballacenews.blogspot.com

Escola do Teatro Bolshoi no Brasil
So Dança

Como se inscrever:


Encaminhar para o email anna.goncalves@uol.com.br seus dados:
Nome completo, empresa x cargo, cidade x estado, email, fone
Comprovante de depósito em favor de Anna Cristina Gonçalves:
Banco itaú – agência 4297
Conta poupança – 09771 -1 / 500
Investimento:
Inscrições até 31/3 – R$ 360,00
Inscrições até 30/4 – R$ 390,00
Inscrições até 10 de maio – R$ 420,00

Apoio:


Revista Dança Brasil
www.dancabrasil.com.br